fbpx

3º Festival Internacional do Pequeno Cineasta – Veja o mundo pelos olhos de uma criança! De 28 de agosto a 01 de setembro- entrada gratuita

A 3ª edição do Festival Internacional do Pequeno Cineasta (FIPC) acontece de 28 de agosto a 01 de setembro no Rio de Janeiro. Organizado pela cineasta Daniela Gracindo, o festival reúne e apresenta 63 filmes realizados integralmente por crianças e jovens de 14 países – Armênia, Argentina, Bélgica, Burundi, Brasil, Colômbia, Espanha, Grécia, EUA, Itália, México, Portugal, UK, Venezuela – na faixa de 8 a 17 anos. Os destaques dessa edição que acontece no Instituto Cervantes (abertura, mesa redonda, sessões competitivas, exposição fotográfica), Espaço Carioca Dicró (sessões competitivas, oficinas, mostra internacional) e Museu do Meio Ambiente do Jardim Botânico – RJ (mostra com temática ambiental e encerramento com entrega de premiação) são a Conexão Espanha e a Mostra Sustentabilidade. O mestre de cerimônias do evento será o cantor e compositor Alceu Valença ao lado do filho, Rafael Valença, um pequeno cineasta de 11 anos. A entrada é gratuita em todas as sessões e 50% dos lugares é reservado para escolas públicas e privadas e ONGs com trabalho voltado à infância.

CONEXÃO ESPANHA – A novidade desse ano é o projeto Correspondências com troca de cartas audiovisuais entre crianças espanholas e brasileiras. Nelas, as crianças apresentam seu mundo, falam sobre qualidade de vida nos dois países e consideram perspectivas e anseios sobre o momento atual, incluindo as manifestações ocorridas recentemente no Brasil. A exposição Pequenos Olhares exibirá “Uma jornada quixotesca através de microcontos”  que reúne o material criado por alunos do oitavo ano da Escola Parque (Barra) sobre o tema do livro “Dom Quixote de La Mancha”, ícone da Literatura espanhola, o escritor Miguel de Cervantes.

CONEXÃO SUSTENTABILIDADE – A mostra “Sustente sua História” do Festival Internacional Pequeno Cineasta – dias 31 de agosto e 1º de setembro, no Museu do Meio Ambiente do Jardim Botânico, vai apresentar ao grande público o posicionamento de jovens e crianças com idades de 8 a 17 anos sobre meio ambiente e sustentabilidade.  A diversidade de nacionalidades e a grande quantidade de filmes recebidos  sobre o tema geraram a criação de uma mostra específica dentro da 3ª edição, que irá homenagear este ano a ONG Sustentarte, instituição que desenvolve projetos de ecoalfabetização de crianças em escolas públicas e privadas.

CONEXÃO PEDAGÓGICA – Direcionado a crianças, jovens, professores, pedagogos e demais profissionais que pensam e trabalham a infância, o Festival Internacional Pequeno Cineasta discute conceitos educacionais atuais e os valores dentro da diversidade cultural. Para isso, haverá o debate “A Contribuição da Linguagem Audiovisual”; a mesa redondinha “Luz, Câmera e Ação”, realizada através de vídeo conferência abrangendo crianças e jovens do Brasil e Espanha; e o workshop sobre o uso do cinema na pedagogia, da venezuelana Rita Helena Ávila, voltado para professores e líderes comunitários.  O júri é composto por 10 Pequenos Cineastas entre 10 e 17 anos, que foram selecionados entre os alunos da Oficina Pequeno Cineasta. O processo seletivo dos filmes premiados será realizado através de um debate entre os jurados mediado pela coordenadora pedagógica do festival, Sância Velloso, e dois convidados atuantes no mundo audiovisual: o cineasta Walter Lima Jr e a Coordenadora da cadeira de cinema da UNESA, Gisele Barreto. O debate será registrado em vídeo com o objetivo de documentar as reflexões da atual geração.

O Festival Internacional Pequeno Cineasta começou em 2010 e, a cada ano, vem crescendo. “Vivi imersa no mundo audiovisual da TV e do cinema e sempre pensei o que uma criança era capaz de criar com uma câmera na mão. Conduzo oficinas de cinema e nelas acompanho as transformações nas crianças antes e depois da apropriação da linguagem audiovisual. Apresentar os trabalhos de pequenos cineastas e seus diversos olhares sobre o mundo é uma oportunidade única e a premissa desse trabalho”, explica Daniela Gracindo.

APOIADORES – O Festival Internacional Pequeno Cineasta tem apoio da Kodak, TecnEnge, Vinícola Aurora, Restaurante Mekong, Canapés Giovanini, Parmê, Raconto, Espaço Move, Instituto Cervantes, Arena Carioca Dicró, Museu do Meio Ambiente – Jardim Botânico do Rio de Janeiro, Secretaria de Educação Municipal – RJ, Secretaria de Educação Estadual –RJ, Secretaria de Cultura – RJ, Oficina Pequeno Cineasta, Observatório de Favelas.

 

Agenda

Dia 28 agosto/ 2013  (quarta)

Cerimônia de Abertura

19h30 às 21h30 – Instituto Cervantes – Botafogo – Abertura oficial do festival, apresentada pelo cantor Alceu Valença e seu filho e Pequeno Cineasta Rafael Valença com a seguintes programação:

Exibição do filme “Correspondências” projeto criado por Diego Betancór (Espanha) e Daniela Gracindo (Brasil), que reúne “cartas filmadas” por Pequenos Cineastas de diferentes nações. O filme apresentado reúne as correspondências trocadas entre a Espanha, Holanda e Brasil;

Exibição do curta-metragem “Um dia de Chaplin” em homenagem ao grande cineasta, realizado pela 17ª turma da Oficina Pequeno Cineasta, com roteiro e direção de Rafael Valença.

Abertura da exposição fotográfica “Pequenos Olhares”.

 

Dia 29 agosto/ 2013  (quinta)

09h30 às 13h30 – Arena Carioca Dicró – Penha

Workshop “Cinema na Sala de Aula” para professores e líderes comunitários ministrado por Rita Elena Ávila (Venezuela).

10h às 20h – Instituto Cervantes – Botafogo

Exposição Fotográfica “Pequenos Olhares”

10h às 17h – Instituto Cervantes – Botafogo

Sessões de exibição:                    

10h – Não Competitiva Oficina Pequeno Cineasta

10h50 – Competitiva Nacional – Categoria Crianças

11h40 – Competitiva Internacional – Categoria Jovens

14h30 – Não Competitiva Oficina Pequeno Cineasta

15h20 – Competitiva Internacional – Categoria Crianças

16h10 – Competitiva Nacional – Categoria Jovens

Mesa redonda “A Contribuição da Linguagem Audiovisual”

19h30 às 21h00 –  Instituto Cervantes – Botafogo

 

Dia 30 agosto/ 2013 – (sexta)

10h às 20h – Instituto Cervantes – Botafogo

Exposição Fotográfica “Pequenos Olhares”

Sessões de exibição:                  

10h00 – Não Competitiva Oficina Pequeno Cineasta

10h50 – Mostra Competitiva Nacional – Categoria Crianças

11h40 – Mostra Competitiva Internacional – Categoria Jovens

14h30 – Mostra Competitiva Nacional – Categoria Crianças

15h20 – Mostra Competitiva Internacional – Categoria Jovens

16h10 – Mostra Não Competitiva Oficina Pequeno Cineasta

 

Dia 31 agosto/ 2013 (sábado)

10h00 às 13h00 – Museu do Meio Ambiente – Jardim Botânico

Mostra SUSTENTE A SUA HISTÓRIA – exibição de filmes com a temática ambiental e de sustentabilidade.

10h às 14h – Instituto Cervantes – Botafogo

Exposição Fotográfica “Pequenos Olhares”

10h às 10h30 – Instituto Cervantes – Botafogo

Mesa Redondinha “Luz, Câmera e Ação” –  videoconferência entre Pequenos Cineastas do Brasil, Espanha e Holanda

11h00 às 12h00 –– Instituto Cervantes – Botafogo

Exibição do filme “Correspondências” e debate após exibição

 

Dia 1 setembro/ 2013 – (domingo)

10h às 13h – Jardim Botânico

Cerimônia de encerramento com sessão homenagem, e exibição dos filmes vencedores e entrega das premiações das mostras competitivas.

* As sessões de exibição têm a duração de aproximadamente 40 minutos cada, com debate debates aos finais de cada sessão com a plateia, fechando em média, 50 min. por sessão.

 

 

PROGRAMAÇÃO

* Competitiva Nacional

 Dividida em duas categorias: filmes criados por crianças  e filmes criados por jovens. Concorrem filmes de curta-metragem de todo o Brasil, dos gêneros: ficção, documentário, experimental e animação. Na categoria crianças concorrem pequenos cineastas com a idade entre 8 e 13 anos e na a categoria jovens concorrem pequenos cineastas com a idade entre 14 e 17 anos.

* Competitiva Internacional

Dividida em duas categorias: filmes criados por crianças e filmes criados por jovens. Concorrem filmes de curta-metragem do mundo inteiro nos gêneros ficção, documentário, experimental e animação. Na categoria crianças concorrem pequenos cineastas com a idade entre 8 e 13 anos e na a categoria jovens concorrem pequenos cineastas com a idade entre 14 e 17 anos.

* Não Competitiva Oficina Pequeno Cineasta

Exibição dos filmes realizados pelos alunos da Oficina Pequeno Cineasta nos anos 2012 e 2013.

* Mostra “Sustente sua Historia”

Seleção de filmes realizados por crianças e jovens com temas relacionados ao meio-ambiente e sustentabilidade.

 * Workshop “O Cinema na sala de aula”

Direcionado a professores da rede de ensino pública e privada, o workshop “Cinema na sala de aula” ministrado por Rita Helena Ávila, Diretora do Cine Club Universitario de Maracaibo – Venezuela, irá aprofundar o tema e oferecer técnicas para o uso da linguagem cinematográfica como ferramenta na sala de aula.

* Exposição “Pequenos Olhares”

A exposição que será montada no Instituto Cervantes (Botafogo) “Uma jornada quixotesca através de microcontos”  apresenta o trabalho desenvolvido pelos alunos do oitavo ano da Escola Parque -Barra, a partir da leitura do romance pioneiro de Miguel de Cervantes sob orientação do professor Julio Stéphano. O resultado é um mergulho no universo renascentista de D. Quixote, através da linguagem específica dos microcontos e sua representação plástica.
A curadoria desta exposição é de Sância Velloso.

A exposição “Aproximando as coisas”  com curadoria de Tatiana Altberg, será exibida no Arena Carioca Dicró (Penha) é fruto da oficina de fotografia Pinhole (furo de agulha): Autorias e Descobertas para crianças e adolescentes do conjunto de favelas da Maré. A oficina é uma das ações do Programa Imagens do Povo, realizado pelo Observatório de Favelas do Rio de Janeiro.
Orientados pelos professores Fagner França e Léo Lima, os  alunos construíram suas próprias câmeras a partir de latas de alumínio recicladas e tubinhos de filme para retratar de forma lúdica, poética e artística seus olhares sobre o romance “A distância das coisas” de Flávio Carneiro.

* Mesa redonda “A Contribuição da Linguagem Audiovisual”

Debate sobre a contribuição do cinema como ferramenta no aprendizado e desenvolvimento sociocultural de crianças e jovens, mediado pela coordenadora pedagógica do festival, Sância Velloso. Os nomes previstos para a mesa são: Paula Taborda  gerente de programação & conteúdo do GLOOB (Brasil), Gisele Barreto – Coordenadora da cadeira de Cinema da UNESA (Brasil), Rita Helena Ávila, diretora do Cine Club Universitário de Maracaibo (Venezuela), Marcus Guttmann – cineasta (Brasil), Immaculada Prieto – Jornalista e responsável pela area de comunicacao do escritorio  UNICEF –RJ.

A mesa será seguida de debate com a plateia.

* Mesa redondinha “Luz, Câmera e Ação”

Realizada através de vídeo conferência, com a participação do Brasil (Oficina Pequeno Cineasta) dirigida por Daniela Gracindo, e da Espanha (La Bici de ET) Oficina dirigida por Diego Betancour, composta por  Pequenos Cineastas com idade entre 8 e 17 anos e um mediador de cada país. A cada edição do festival a mesa redondinha será um canal para troca de experiências de crianças e jovens que realizam filmes, estreitando o contato com diversos países e suas culturas.

 

Assessoria de Comunicação: Lenke Pentagna 8128-5336

lenkep@hotmail.com

Fhogo Comunicação e Produção

Start typing and press Enter to search

Carrinho de compras